Últimas Notícias
Wesley Safadão inicia show cantando ‘virote’ e agita casa do BBB 24; assista
Milei discursa na abertura do Congresso argentino e chama parlamentares de ‘casta’
Lula e Maduro tratam de eleições na Venezuela no segundo semestre
Milei diz que enviará novos projetos de reforma ao Congresso argentino e ameaça parlamentares
Geraldo Alckmin socorre profissional de imprensa que passou mal durante coletiva em Manaus
Centro de Controle de Zoonoses realiza feira de adoção de cães e gatos neste sábado, em Belém; confira local
Convocado para a Seleção Brasileira, meia Andreas recusou convite para defender a Bélgica
Pará registra crescimento de 35% em empregos formais para mulheres
Centroavante do Paysandu quer garantir liderança isolada em jogo contra o Castanhal
Tiago Leifert deixa canal esportivo após colega defender Daniel Alves
Eleições 2024: TSE publica regras sobre uso de Inteligência Artificial
Mais países pedem investigação sobre tragédia em Gaza
Maduro se reúne com Lula na Cúpula da Celac e diz que eleições na Venezuela estão garantidas
PM da reserva morre baleado na Zona Leste de São Paulo
Influenciador repercute na internet com versões paraenses de hits internacionais; assista
Next
Prev

Biden celebra ‘maior aceleração econômica em 40 anos’ por vacinação contra covid

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, celebrou o avanço do país na vacinação contra a covid-19, durante discurso a estudantes na cidade de Alexandria, no Estado da Virginia. "Em todo o país, passamos da dor e da estagnação de um longo inverno para uma economia em movimento, crescendo mais rápido do que nos últimos quase 40 anos", destacou Biden, creditando a aceleração econômica ao programa de imunização.

De acordo com ele, desde que assumiu a Casa Branca, a média diária de casos contra a covid-19 se reduziu 93%, de cerca de 180 mil para 2,8 mil no último fim de semana.

Ele também ressaltou que 10 Estados norte-americanos já alcançaram a meta de vacinar ao menos 70% da população com duas doses.

O objetivo da administração Biden é atingir a mesma taxa de imunizados a nível nacional até 4 de julho, dia em que se comemora a Independência americana.

Fonte: Notícias ao Minuto

DEIXE SEU COMENTÁRIO

LEIA TAMBÉM