Últimas Notícias

Eleições na França: extrema direita lidera pesquisas de inteções de votos com 33%; Macron tem 19%

Levantamento feito pela Ifop mostra que 63% dos eleitores consultados pretendem participar da disputa legislativa, um aumento significativo em relação à participação nas eleições anteriores, em 2022

FRAN112.- PARÍS (FRANCIA), 3/05/2017.- La candidata ultraderechista a la presidencia de Francia por el Frente Nacional, Marine Le Pen (i), y su rival, el socioliberal del movimiento En Marche !, Emmanuel Macron, posan previo al inicio del debate televisado hoy, miércoles 3 de mayo de 2017, en La Plaine-Saint-Denis, norte de París, Francia. Ambos aspirantes se enfrentarán en la segunda vuelta de las elecciones presidenciales francesas a realizarse el próximo 7 de mayo. EFE/ERIC FEFERBERG / POOL /PROHIBIDO SU USO POR MAXPPP
Marine Le Pen, líder da extrema direita, e Emmanuel Macron, presidente da França

Uma pesquisa realizada pelo Ifop na França revelou que a coalizão governista do presidente Emmanuel Macron possui 19% das intenções de voto, enquanto o Reagrupamento Nacional, liderado por Marine Le Pen, conta com 33%. A Esquerda Unida aparece com 26% das intenções, mostrando um cenário de disputa acirrada às vésperas das eleições legislativas. Os números da pesquisa indicam que os nomes ligados ao governo estão enfrentando um “voto de sanção”, semelhante ao que ocorreu nas eleições para o Parlamento Europeu. No entanto, a diferença é que a eleição nacional francesa terá um segundo turno em 7 de julho, o que pode mudar o cenário político no país. De acordo com analistas, Macron espera obter um resultado melhor no segundo turno, contando com a união de outras forças políticas contra a extrema-direita.

cta_logo_jp

Siga o canal da Jovem Pan News e receba as principais notícias no seu WhatsApp!

A pesquisa também aponta que 63% dos eleitores consultados pretendem participar da disputa legislativa, um aumento significativo em relação à participação nas eleições anteriores, em 2022. O levantamento do Ifop foi realizado com 1.200 eleitores nos dias 13 e 14 de junho, fornecendo uma amostra representativa da opinião pública francesa em relação às eleições. Com a proximidade do primeiro turno, marcado para 30 de junho, a disputa eleitoral promete ser acirrada e com desdobramentos importantes para o cenário político do país.

Publicado por Sarah Américo

*Reportagem produzida com auxílio de IA

Fonte: Jovem Pan

DEIXE SEU COMENTÁRIO

LEIA TAMBÉM