Últimas Notícias

Esportes de Verão: conheça benefícios da canoagem e como praticar em Belém








Esportes de Verão: conheça benefícios da canoagem e como praticar em Belém | Esportes | O Liberal















O Liberal – Esportes

























CONTINUE EM OLIBERAL.COM


X

Rios e ilhas se tornam um cenário privilegiado para os praticantes da modalidade, que através das remadas, ganham uma experiência única de conexão com a água e com o meio ambiente

Thaís Neves

O Va’a, esporte conhecido no Brasil como canoa havaiana ou canoa polinésia, vem ganhando cada vez mais adeptos ao redor do mundo. Popularmente chamada de canoagem, a modalidade oferece uma combinação de desafio físicos e experiências incríveis como o contato com a natureza, além de também muita diversão. Desde que se firmou em Belém em 2016, os rios e ilhas se tornam um cenário privilegiado para os praticantes da modalidade, que através das remadas, ganham uma experiência única de conexão com a água e com o meio ambiente.

VEJA MAIS


image

Futevôlei traz vários benefícios para a saúde física e mental
A modalidade chegou a Belém e se tornou febre entre os amantes de esportes de areia, principalmente nesta época de verão


image

Atividade de canoagem promove diversão e reabilitação para PCDs em Belém
O Centro Integrado de Inclusão e Reabilitação (CIIR) promoveu, nesta quinta-feira, uma atividade de canoagem adaptada às margens da Baía do Guajará

Dentre os inúmeros benefícios que a prática da canoagem traz, alguns deles incluem a melhora da saúde cardiovascular, o fortalecimento dos músculos, alivio do estresse e a melhora da coordenação motora. Na capital paraense, há diversos locais onde se pode aprender a modalidade, uma delas é o Caruanas Va’a, o grupo faz remadas por diversos lugares do Pará e dessa vez embarcou em uma viagem do Ver-O-Rio, em Belém, até a Ilha das Onças, na Baía do Guajará, no município de Barcarena.

“>
Foto: Ivan Duarte / O Liberal

“>
Foto: Ivan Duarte / O Liberal

“>
Foto: Ivan Duarte / O Liberal

“>
Foto: Ivan Duarte / O Liberal

“>
Foto: Ivan Duarte / O Liberal

“>
Foto: Thaís Neves / O Liberal

“>
Foto: Thaís Neves / O Liberal”>


O Engenheiro Ernani Cortinhas, de 61 anos, adepto do esporte, conta que decidiu praticar a canoagem devido a uma relação muito íntima que ele tem com a água. “Eu trabalho em cima disso. Quando eu descobri que tinha essa atividade em Belém, eu disse que queria aprender, por causa da relação com a água. Aí procurei saber onde tinha e me indicaram o Caruanas e eu vim. Hoje eu sou apaixonado por isso”, relata.



image


Ernani Cortinhas – Foto: (Ivan Duarte / O Liberal)


Ao ser questionado sobre os benefícios que a canoagem trouxe para sua vida, Ernani enfatiza que é questão de qualidade de vida. “É multiplicador, quando eu venho cedo aqui para o Caruanas, eu venho com uma pré-disposição para trabalhar, para o dia-a-dia. Esse contato com a natureza é bem superior a qualquer academia”, explica.


Em sua primeira aula praticando o esporte, o estudante Mateus Dantas relatou que resolveu iniciar a modalidade devido a um pedido de uma pessoa especial. “Tem sido uma manhã incrível, um privilégio também aproveitar esse momento e conhecer pessoas novas. A primeira vez foi um treino, achei um pouco leve mas estou um pouco cansado porque não para, mas a experiência é incrível e eu recomendo bastante”, conta.



image


Mateus Dantas – Foto: (Ivan Duarte / O Liberal)


O jornalista e professor de canoagem Alan Bordallo, explica que a modalidade se adaptou muito bem a Belém, devido a cidade ser cheia de rios. ”Eu acho que a canoagem se tornou o maior convite para as pessoas virem para os rios, conhecerem as ilhas. É um tipo de esporte que faz o morador de Belém se conectar com esse lado da cidade, Eu acho muito legal isso”, diz. Entre os benefícios que a modalidade pode oferecer além dos benefícios físicos, Alan pontua sobre a socialização. “É um esporte em grupo, onde tudo depende um do outro, os vínculos se fortalecem, as pessoas acabam se tornando amigas, gostam de vir justamente para ter uma socialização melhor”, pontua.



image


Alan Bordallo, jornalista e professor de Canoagem. Foto: (Ivan Duarte / O Liberal)


Para quem tem interesse em conhecer a modalidade aquática e o Caruanas, Alan explica que é só entrar em contato através das redes sociais @caruanasvaa ou ir até o Ver-O-Rio. “É bem fácil de encontrar, lá tem o nosso número de contato, ou então, pode vir direto no Ver-O-Rio. Nós temos essa vantagem, de estar no único acesso público ao rio que tem em Belém. É só chegar, pedir para fazer uma aula experimental, na primeira aula a gente dá uma instrução básica, faz um alongamento, coloca os equipamentos de segurança, colete salva-vidas e vem para a água. É uma modalidade super fácil de aprender, eu digo que é muito democrática porque pessoas inexperientes podem estar na mesma canoa de pessoas experientes e a gente se diverte, é bem tranquilo de começar”, finaliza.

Esportes

.

Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

Ok
Cancel

Com Informações de O LIberal

DEIXE SEU COMENTÁRIO

LEIA TAMBÉM