Últimas Notícias
Tensão pós-enchente: especialista aponta risco de aumento de criminalidade no RS
Antônio de Oliveira, Elói Iglesias e Belém de Belém celebram o Norte e lançam ‘Eu Quero Ver No Pará’
Três pessoas são presas em operação contra o tráfico de drogas no Acará
Com bela atuação, seleção masculina derrota Sérvia por 3 sets a 1 na Liga das Nações de Vôlei
Noiva surpreende e distribui doces para alunos de academia em Capitão Poço, no Pará; assista
Departamento de Estado dos EUA aprova possível venda de helicópteros Black Hawk ao Brasil, diz Pentágono
Milton Neves se desculpa após postar foto fake de Jojo Todynho nua; ouça
Entenda quais são as medidas que o Tribunal da ONU emitiu para Israel
Justiça concede divórcio de Ana Hickmann e Alexandre Correa
Polícia prende homem que atacou acampamento pró-Palestina por agressão
Jogador de destaque na La Liga atuou com caco de vidro no pé por dois anos; entenda
Aviões militares chineses cruzam Estreito de Taiwan, diz defesa taiwanesa
CRM anuncia 'medidas cabíveis' após médico expulsar mãe e filho autista de consultório em Belém
Fátima Bernardes desabafa e rebate crítica após criar canal no YouTube; assista
Copa América contará com mulheres no apito pela 1ª vez na história e terá 11 brasileiros
Next
Prev

Guedes: 15 milhões de desempregados são os ‘invisíveis’ descobertos na crise

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou nesta quarta-feira, 7, que os cerca de 15 milhões de desempregados no Brasil, citado hoje durante audiência pública na Câmara dos Deputados, representam os trabalhadores "invisíveis" descobertos pelo governo durante a pandemia do novo coronavírus.

Segundo o ministro, o pagamento do auxílio emergencial permitiu que o governo "descobrisse" esta parcela da população, anteriormente desbancarizada. "Há um plano para reduzir o desemprego entre eles", disse Guedes.

O ministro afirmou ainda que uma forma de atacar o problema da fome no País é a adoção do chamado "Fundo Brasil", já citado na audiência de hoje pelo próprio Guedes. "Uma forma de atacar o problema da fome é o Fundo Brasil", disse. "Queremos atacar de forma mais contundente o problema da desigualdade no Brasil."

Guedes participa nesta quarta-feira de audiência pública na Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados.

Fonte: Notícias ao Minuto

DEIXE SEU COMENTÁRIO

LEIA TAMBÉM