Últimas Notícias
Seduc divulga critérios para participação no programa ‘Bora Estudar’
PF captura três foragidos condenados por crimes sexuais no Pará
Em onda de violência, população do Equador sofre com abusos militares
Homem furta refletor de obra do BRT na BR-316, em Ananindeua; assista
Sebrae oferece capacitação a empreendedores do turismo local
Paysandu inicia venda de ingressos para partida contra o Castanhal, pelo Parazão
Joe Biden diz que informação sobre apoio de Taylor Swift é “confidencial”
FPF define data e horário da última rodada da primeira fase do Parazão; confira
Frutas brasileiras previnem doenças crônicas e problemas no intestino, diz estudo
BR-316 passa por intervenções nos dois sentidos da via até a próxima sexta (1º); veja as alterações
Ministro diz que é "falácia" envio de ativos russos para Ucrânia
Suspeitos entram em academia para roubar aluno em Fortaleza (CE); veja vídeo
Internautas do Roma News apostam na saída de Rodriguinho do BBB24
Professor é morto a tiros ao desembarcar em rodoviária de Parauapebas
Athletic Club x Volta Redonda: onde assistir ao vivo e horário do jogo hoje (27) pela Copa do Brasil
Next
Prev

Mulher mata companheiro a marteladas no Pará

Um homem identificado como Jailson Barbosa Mesquita, de 40 anos, foi morto a marteladas na manhã deste domingo (11), na passagem União, no bairro do Barreiro, em Belém.

Conforme as informações iniciais repassadas aos policiais militares do 1º BPM, a companheira de Jailson teria cometido o crime após uma discussão entre o casal. O Centro Integrado de Operações (CIOp) informou que o acionamento sobre o assassinato ocorreu por volta de 11h30.

De acordo com a PM, os vizinhos informaram aos agentes que o casal havia chegado de uma festa e iniciaram uma discussão. Na ocasião, a mulher pegou o martelo e desferiu vários golpes na região da cabeça da vítima, que morreu na hora. Ainda segundo os populares, o casal era dependente químico e tinha um longo histórico de brigas e agressões.

Quando a PM chegou a cena do crime, o martelo usado como arma no assassinato ainda estava jogado ao lado do corpo de Jailson. O local foi isolado para evitar a entrada de populares e a Polícia Civil e Científica foram acionadas para realizar a perícia e apurações iniciais da investigação.

Em nota, a Polícia Civil informou que investiga o caso por meio da Divisão de Homicídios. Testemunhas serão ouvidas e perícias solicitadas para auxiliar nas investigações. (As informações são de O Liberal)

Fonte: As Informações são do Portal Debate Carajas

DEIXE SEU COMENTÁRIO

LEIA TAMBÉM