Últimas Notícias
Wesley Safadão inicia show cantando ‘virote’ e agita casa do BBB 24; assista
Milei discursa na abertura do Congresso argentino e chama parlamentares de ‘casta’
Lula e Maduro tratam de eleições na Venezuela no segundo semestre
Milei diz que enviará novos projetos de reforma ao Congresso argentino e ameaça parlamentares
Geraldo Alckmin socorre profissional de imprensa que passou mal durante coletiva em Manaus
Centro de Controle de Zoonoses realiza feira de adoção de cães e gatos neste sábado, em Belém; confira local
Convocado para a Seleção Brasileira, meia Andreas recusou convite para defender a Bélgica
Pará registra crescimento de 35% em empregos formais para mulheres
Centroavante do Paysandu quer garantir liderança isolada em jogo contra o Castanhal
Tiago Leifert deixa canal esportivo após colega defender Daniel Alves
Eleições 2024: TSE publica regras sobre uso de Inteligência Artificial
Mais países pedem investigação sobre tragédia em Gaza
Maduro se reúne com Lula na Cúpula da Celac e diz que eleições na Venezuela estão garantidas
PM da reserva morre baleado na Zona Leste de São Paulo
Influenciador repercute na internet com versões paraenses de hits internacionais; assista
Next
Prev

Prefeitura de SP avalia barreiras sanitárias para tentar evitar cepa indiana

A Prefeitura de São Paulo estuda a aplicação de barreiras sanitárias em pontos de entrada da cidade, como aeroportos e rodoviárias, para controlar a chegada de pessoas que possam estar contaminadas com a variante identificada pela primeira vez na Índia do novo coronavírus. O anúncio acontece um dia após o Maranhão ter confirmado o registro do primeiro caso da nova cepa.

Segundo o prefeito da capital, Ricardo Nunes (MDB), em nota, a Prefeitura de São Paulo fez uma indicação ao Ministério da Saúde para que já se atue com a prevenção. "O importante dessa questão é a forma com que toda a nossa equipe da Saúde, da Educação e da Assistência Social trabalha, que é atuando antes de acontecer. A gente não vai esperar acontecer para atuar", reforçou Nunes.

Nunes destacou também que a Prefeitura está preparada para abrir 250 novos leitos de UTI caso seja necessário e recobrou atenção às medidas de prevenção como uso de máscaras e da higienização. "O conceito da gestão Bruno Covas é trabalhar com a prevenção. Não vamos esperar acontecer para depois agir", destacou.

De acordo com nota da prefeitura paulistana, "a Secretaria Municipal da Saúde (SMS), segue em alerta em relação à nova variante de SARS-CoV-2 proveniente da Índia, associada às linhagens B.1.617.1 e B.1.617.2, como variante de preocupação".

*Com Informações Notícias ao Minuto

DEIXE SEU COMENTÁRIO

LEIA TAMBÉM