Últimas Notícias
Osasuna x Villarreal: onde assistir ao vivo e as escalações do jogo de hoje (25/05) por La Liga
Jovem atacada com soda: saiba os perigos do ácido e o que fazer em caso de intoxicação
Tensão pós-enchente: especialista aponta risco de aumento de criminalidade no RS
Antônio de Oliveira, Elói Iglesias e Belém de Belém celebram o Norte e lançam ‘Eu Quero Ver No Pará’
Três pessoas são presas em operação contra o tráfico de drogas no Acará
Com bela atuação, seleção masculina derrota Sérvia por 3 sets a 1 na Liga das Nações de Vôlei
Noiva surpreende e distribui doces para alunos de academia em Capitão Poço, no Pará; assista
Departamento de Estado dos EUA aprova possível venda de helicópteros Black Hawk ao Brasil, diz Pentágono
Milton Neves se desculpa após postar foto fake de Jojo Todynho nua; ouça
Entenda quais são as medidas que o Tribunal da ONU emitiu para Israel
Justiça concede divórcio de Ana Hickmann e Alexandre Correa
Polícia prende homem que atacou acampamento pró-Palestina por agressão
Jogador de destaque na La Liga atuou com caco de vidro no pé por dois anos; entenda
Aviões militares chineses cruzam Estreito de Taiwan, diz defesa taiwanesa
CRM anuncia 'medidas cabíveis' após médico expulsar mãe e filho autista de consultório em Belém
Next
Prev

Presidente do Haiti é assassinado em ataque à sua residência

SÃO PAULO, SP (UOL-FOLHAPRESS) – O presidente do Haiti, Jovenel Moise, foi assassinado nesta quarta-feira (7) em um ataque a sua casa por um grupo de pessoas ainda não identificadas, anunciou o primeiro-ministro do país, Claude Joseph.

A mulher do presidente, Martine Moise, ficou ferida no ataque e foi hospitalizada, disse Joseph, que pediu calma à população e garantiu que a polícia e o Exército estão encarregados de manter a ordem.

Joseph condenou o que chamou de "ato odioso, desumano e bárbaro", acrescentando que a Polícia Nacional do Haiti e outras autoridades tinham a situação no país caribenho sob controle.

O ataque ocorreu em meio a uma onda crescente de violência política no país. Com o Haiti politicamente dividido e enfrentando uma crescente crise humanitária e escassez de alimentos, há temores de uma desordem generalizada.

"Todas as medidas estão sendo tomadas para garantir a continuidade do estado e proteger a nação", disse Joseph. Tiros foram ouvidos em toda a capital.

Porto Príncipe vem enfrentando um aumento na violência com gangues lutando entre si e com a polícia pelo controle das ruas. Essa violência foi alimentada por um aumento da pobreza e da instabilidade política.

Moise, 53 anos, vinha enfrentando protestos ferozes desde que assumiu a presidência em 2017, com a oposição o acusando de tentar instalar uma ditadura ao prolongar seu mandato e tornar-se mais autoritário, acusações que ele negou.

Fonte: Notícias ao Minuto

DEIXE SEU COMENTÁRIO

LEIA TAMBÉM